Manejo de Polinizadores na Aceroleira

Manejo de Polinizadores na Aceroleira

Captura de Tela 2015-08-27 às 23.23.09

“A aceroleira é cultivada em vários países da América e, atualmente, o Brasil é o maior produtor, consumidor e exportador do mundo. A região nordeste é a maior produtora do país e o estado de São Paulo é o segundo maior. A produção é destinada principalmente para indústria de processamento de polpa e ao consumo in natura. Assim, os frutos são classificados de duas maneiras: para mesa (frutos doces) destinados para consumo in natura e para indústria (frutos ácidos, com maior teor de vitamina C) recomendados para o processamento de sucos.”

“A aceroleira pode frutificar o ano todo, dependendo da temperatura e pluviosidade regional. Sendo uma espécie auto-incompatível, ou seja, não é fecundada por pólen da mesma flor e/ou da mesma planta, a polinização cruzada é necessária, o que a torna dependente dos agentes polinizadores. Os principais e mais eficientes agentes polinizadores são as abelhas solitárias da tribo Centridini. A atração e manutenção de polinizadores nesses cultivos é uma excelente estratégia para o aumento da produtividade.”

++++++++++

Estes dois extratos de textos do livro “Manejo de Polinizadores da Aceroleira” retratam a importância da atividade de polinização para o cultivo desta importante cultura agrícola. O livro apresenta dados importantes sobre a biologia das abelhas solitárias, principais insetos polinizadores da aceroleira, além de aspectos relacionados aos seus hábitos de nidificação e desenvolvimento larval, inimigos naturais e relação com plantas. Além disto apresenta um estudo específico sobre o uso de “ninhos-armadilha” como uma alternativa estratégica para a manutenção e retenção dos polinizadores nos campos de cultivo.

Enfim, uma leitura altamente recomendada para os produtores agrícolas da aceroleira, e todos os interessados (e apaixonados) pelo exuberante universo de nossas abelhas.

Agradecemos especialmente à autora Morgana Silveira Sazan por compartilhar conosco este primoroso trabalho.

Acesse o conteúdo: Manejo de Polinizadores da Aceroleira

 

Sem comentários

Sorry, the comment form is closed at this time.