Cidade Amiga das Abelhas

PROJETO CIDADE AMIGA DAS ABELHAS

O projeto Cidade Amiga das Abelhas – Polinizando a natureza para a vida nasceu por iniciativa da organização “Bee or not to be”, no contexto de sua campanha “Sem Abelha, Sem Alimento”, em parceria com a AMESAMPA.

As abelhas são os mais importantes polinizadores da natureza, responsáveis pela reprodução de 80% das matas, florestas e áreas verdes, bem como pela polinização de 70% de todas as culturas agrícolas – avalia-se em 10% do PIB agrícola o valor dos serviços ecossistêmicos da polinização.

O Brasil concentra a maior biodiversidade de espécies de abelhas do planeta. Nossas cidades e florestas são o lar para mais de 3 mil espécies de abelhas – sendo em sua maioria de abelhas nativas sem ferrão.

Ocorre, porém, que mais de 78% de nossa população desconhece a importância da polinização (pesquisa Ibope – out/15). E que o Brasil, assim como outros países do mundo, enfrenta o grave risco do declínio de seus polinizadores, fruto do desmatamento, da redução das áreas verdes, dos cultivos da monocultura, de mudanças climáticas e, sobretudo, pelo uso indiscriminado de agrotóxicos.

O projeto Cidade Amiga das Abelhas – Polinizando a natureza para a vida tem, assim, o objetivo de pautar a gestão pública para que adote práticas que visem a preservação do meio ambiente, a educação ambiental e a sustentabilidade, garantindo uma qualidade de vida melhor para sua população e para o meio em que habitamos – a partir da preservação de seus mais importantes polinizadores.

abelhinhas
logo-cidade
fotos1

OBJETIVOS DO PROJETO

1- Ampliar o conhecimento e a educação da população sobre a importância das abelhas;

2- Engajar as organizações públicas na conscientização e proteção dos polinizadores;

3- Apoiar as administrações públicas com práticas de gestão que preservem os polinizadores em áreas urbanas e sua boa convivência com a população;

4- Dar notoriedade e reconhecimento às administrações orientadas para a preservação, melhoria e recuperação do meio ambiente;

5- Gerar um ambiente favorável ao incremento e à expansão da criação de abelhas sem ferrão nos municípios.

fotos2

CONHEÇA ALGUMAS DAS PRINCIPAIS ABORDAGENS EXIGIDAS NO PROJETO

EDUCAÇÃO AMBIENTAL

• Adoção de material didático específico sobre os polinizadores (vídeoaula e caderno de atividades) para Educação Ambiental nas Escolas da Rede Pública Municipal – OBRIGATÓRIO;

• Implantação de um Meliponário Municipal que apresente, de forma didática, a biodiversidade de espécies de abelhas nativas da região – OBRIGATÓRIO;

• Ações de incentivo ao conhecimento e incremento do consumo de produtos derivados da abelhas.

florzinha

PRESERVAÇÃO

• Programa de atuação conjunta entre Corpo de Bombeiros, Apicultores, Entidades Educacionais e a Defesa Civil para a retirada adequada (sem extermínio) de abelhas com ferrão em áreas que representem riscos à população – OBRIGATÓRIO;

• Adoção de um programa de parceria entre o Setor de Poda e Corte de Árvores (Secretaria de Serviços Urbanos) com Meliponicultores locais, para o resgate adequado de abelhas nativas sem ferrão, previamente ao corte de árvores – OBRIGATÓRIO;

• Evitar o uso de venenos agressivos às abelhas quando da aplicação do “fumacê” da dengue.

ADMINISTRAÇÃO, COMUNICAÇÃO E BOTÂNICA

• Criar “Jardins Educativos” de plantas melíferas, sinalizando os nomes das plantas e tipos constantes de polinizadores. Favorecer o plantio de árvores melíferas;

• Adotar o mel na merenda escolar das escolas municipais (e outros produtos);

• Estimular a criação de Feiras Orgânicas e de produtos das abelhas;

• Criar lei municipal de criação de abelhas sem ferrão em áreas urbanas, considerando a meliponicultura uma atividade de utilidade pública;

• Fomentar e promover datas alusivas ao tema: Dia do Apicultor, Dia da Abelha, Dia da Primavera, Semana das Abelhas e Polinizadores, etc.

fotos3

RECONHECIMENTO E COMUNICAÇÃO

Às prefeituras que se empenharem na adoção de parte ou totalidade dos itens acima relacionados, após auditagem, será conferido um Selo (Ouro, Prata e Bronze) e o título de CIDADE AMIGA DAS ABELHAS – Polinização, Natureza e Vida, válido pelo período de 2 anos.

medalhas

As cidades também poderão fazer uso da campanha de Comunicação Cidade Amiga das Abelhas e do material de educação ambiental.

produtos

apoio

SEJA UM
EMBAIXADOR
DESTE PROJETO
EM SUA CIDADE!

Toda cidade pode ser uma Cidade Amiga das Abelhas, mas é importante contar com um bom embaixador!

Portanto, mãos à obra e leve o projeto para dentro de sua comunidade.

Inicie cadastrando-se ao lado, e indicando como você pode atuar neste processo.

Nós faremos contato contigo e na sequência enviaremos os detalhes do regulamento, as etapas a serem cumpridas no processo de certificação, documentos e valores envolvidos e as formas de custeio do processo.

*Nome:
*E-mail:
*Celular:
Telefone:
*Cidade e Estado:
*Empresa ou Entidade:
*Função:
Como gostaria de ajudar com o projeto em sua cidade:
*Campos obrigatórios